• Larissa Pampolha

Cipó Ambé


O Cipó Ambé é utilizado como matéria-prima por dezenas de comunidades ribeirinhas na Amazônia. Com essa fibra vegetal, extraída de forma ecologicamente correta, os moradores locais garantem sustento sem agredir a floresta, em um aprendizado que veio dos índios.

Essa planta vive grudada em galhos de árvores altas, que podem estar em terra ou à beira de igarapés, pequenos rios no meio da Floresta. O ambé tem duas partes principais: a mãe e as raízes. A mãe fica grudada no galho da árvore, enquanto que as raízes descem até o chão. As raízes tem espinhos que fazem as rodas do ambé parecerem com coroas, por isso é conhecido também pelo nome Ambé Coroa.

A raiz madura é a parte utilizada pelos artesãos, que na extração observam com cuidado quais raízes estão prontas para a produção de fibras. A raiz ideal tem a casca bem grossa e cheia de nós. A cor da casca é escura e a cor da entrecasca é avermelhada. Para transportar esse material, os artesãos costumam fazer rodas com as raízes cortadas e carregam o material para canoas a remo ou a motor, dependendo da distância a ser percorrida.

E agora começa o processo de produção das fibras propriamente ditas. As raízes são descascas e raspadas, um processo muito importante que retirada a entrecasca que está presa no cipó. Se não for retirada, a fibra fica muito rígida e não pode ser utilizada para o artesanato.

Depois disso, o Cipó é partido em duas partes, que o artesão mais uma vez raspa para tirar as quinas. Se o artesanato for pequeno, de uma das partes do cipó podem sair até três fios. A quantidade de fios que um cipó pode dar depende do artesanato e da grossura do cipó. Por exemplo, se o artesanato for grande como uma bolsa, o fio precisa ficar grosso para dar mais resistência à peça. Se for algo pequeno como um porta-lápis, o fio pode ser fino e estreito.

Ao fim desse processo, é preciso tecê-las cuidadosamente para que se transformem em diversos tipos de peças. Os objetos produzidos vão de cestas e balaios a painéis e móveis. Cada uma dessas peças traz a marca da preservação do meio ambiente, da valorização da cultura local e da subsistência de diversos povoados.

Você pode adquirir as peças trançadas com Cipó Ambé em nossas lojas:

Brasil Presente Guarulhos

Endereço: Aeroporto Internacional de Guarulhos, Terminal 3, Portão 317, Embarque.

Celular/Whatsapp: 11 94540-7910

E-mail: aeroportogru@fuchic.com.br

Fuchic Jardins

Endereço: Alameda Franca, 1.167

Telefone: 11 3085-0434

Celular/Whatsapp: 11 97639-5311

E-mail: jardins@fuchic.com.br

#cipóambé #fibrasepalhas #cestaria #trançados #amazonas #ArtesanatoBrasileiro #ArtePopularBrasileira

INSTITUCIONAL

Quem somos

Como Comprar

Trocas e devolução

Fale conosco

PARA SEGUIR, CURTIR E COMPARTILHAR

facebook
instagram
pinterest
flickr
youtube

FALE CONOSCO

Atendimento de 09 às 17h, de segunda a sexta-feira.

(11) 4192-2986

faleconosco@fuchic.com.br

APOIOS E PARCERIAS

Sebrae
Artesol

Razão Social Anny Megherdijian Darakjian ME - Endereço: Alameda Franca, 1167 | São Paulo | SP - CNPJ:08.074.414/0001-77