Arte indígena é cheia de tradição, com técnicas passadas de geração em geração nas comunidades. Com o povo Yanomami, que vive na Floresta Amazônica, não é diferente. Um dos destaques é o cesto Xotehe, confeccionado pelas mulheres Yanomami. É uma espécie de peneira, um cesto raso trançado de cipó titica com fios de fungo negro ou tiras de raízes pretas da palmeira paxiubinha. Segundo se tem registro, eles são os únicos no mundo a utilizarem esse fio de origem fúngica para a confecção de artesanato. Na aldeia, esse tipo de cesto é utilizado para acondicionar alimentos, como frutas e beiju, algodão e pequenos objetos. Também existem modelos com trama aberta tradicionalmente utilizados para pescar e guardar alimentos.

Medidas: Largura 30cm x Altura 15cm x Profundidade 30cm

Estado: Amazonas

CESTO XOTEHE P ETNIA YANOMAMI

R$169,00
Atenção, última peça!
CESTO XOTEHE P ETNIA YANOMAMI R$169,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

Arte indígena é cheia de tradição, com técnicas passadas de geração em geração nas comunidades. Com o povo Yanomami, que vive na Floresta Amazônica, não é diferente. Um dos destaques é o cesto Xotehe, confeccionado pelas mulheres Yanomami. É uma espécie de peneira, um cesto raso trançado de cipó titica com fios de fungo negro ou tiras de raízes pretas da palmeira paxiubinha. Segundo se tem registro, eles são os únicos no mundo a utilizarem esse fio de origem fúngica para a confecção de artesanato. Na aldeia, esse tipo de cesto é utilizado para acondicionar alimentos, como frutas e beiju, algodão e pequenos objetos. Também existem modelos com trama aberta tradicionalmente utilizados para pescar e guardar alimentos.

Medidas: Largura 30cm x Altura 15cm x Profundidade 30cm

Estado: Amazonas