Featured Posts

Renda Renascença

May 7, 2016

 

 

Uma das rendas mais tradicionais do artesanato brasileiro é a Renascença. Ela teve origem em Veneza, Itália, durante o século 16 e foi trazida para o Brasil por freiras européias no período da colonização portuguesa. Elas ensinavam a renda em conventos e colégios internos.

 

Aqui, o bordado foi difundido através de rendeiras nordestinas, que passaram essa arte de geração em geração. Uma das principais características dessa renda é a produção totalmente artesanal, que  utiliza linha, lacê e agulha. Ela é construída sobre um desenho manual feito em papel manteiga.

 

Os trabalhos podem demorar de semanas a um ano para ficarem prontos, dependendo do tamanho. Mas peças de Renda Renascença são muito valorizadas por conta dos traços marcantes característicos, com pontos delicados e entrelaçados perfeitos, o que compensa a espera.

 

Com esta técnica podem ser feitos guardanapos, porta talheres, colchas, blusas, vestidos de noiva. O que não falta é criatividade. Tradicionalmente feita com tecido branco, no nordeste a renda ganhou autenticidade com várias cores diferentes.

 

Hoje em dia a população brasileira tem consumido e propagado cada vez mais essa arte, além de exportá-la para sete países diferentes da América, Europa e Ásia.

 

//

 

 

One of the most traditional Brazilian handicraft is the Renaissance Lace. It was originated in Venice, Italy, during the 16th century and was brought to Brazil by European nuns in the period of Portuguese colonization. They taught the embroidery in convents and boarding schools.

 

Here, the embroidery was spread through northeastern by the lace makers who passed this art from generation to generation. One of the main characteristics of this lace is that it`s totally handmade using a line and needle. It is built on a manual drawing done on paper.

 

The works can take from weeks to a year to get ready, depending on size. But pieces of Renaissance Lace are highly valued because of the strong features, with delicate and intertwined points, which worth the wait.

 

With this technique the lace makers can do napkins, bedspreads, sweaters, wedding dresses. There is no lack of creativity. Traditionally made with white fabric, in northeast the lace earned authenticity with different colors.

 

Today the Brazilian population consumes this art and export it to seven different countries in America, Europe and Asia.

Please reload

BUSCA POR ASSUNTO
Please reload